Clareamento dental interno

Alterações na coloração dos dentes são relativamente comuns. O escurecimento dental interno ocorre pelas mais variadas razões como traumatismos, medicação dentro do canal, derramamento de sangue na estrutura interna dos dentes, entre outras causas. São nos casos acima, onde o paciente necessitou de um tratamento de canal, que se observa com mais frequência a mudança da cor, passando a ser de amarelado a acinzentado. O tratamento de dentes escurecidos é possível através de métodos de clareamento simples, minimizando esse efeito causado nos dentes que recebem tratamento endodôntico, o canal.

As atuais técnicas de clareamento para dentes que receberam tratamento endodôntico empregam como agente oxidativo o peróxido de hidrogênio a 35%. É um método efetivo que apresenta resultados rápidos e satisfatórios. A técnica poderá ser realizada de várias maneiras, podendo durar uma, duas ou até três sessões, dependendo da dificuldade encontrada para chegar a cor desejada. Os resultados podem também variar de acordo com as características individuais de cada paciente. Para um resultado satisfatório, é indispensável que o dentista tome alguns cuidados como planejamento minucioso do caso do paciente, avaliação dos riscos, obtenção do registro da cor inicial dos dentes do paciente para posterior comparação e orientações pós-operatórias.

 

clareamento dental interno

O tratamento de dentes escurecidos é possível através de métodos de clareamento, que minizam os efeitos causados por danos externos ou tratamento endodôntico, como o canal

 

PERGUNTAS FREQUENTES

Como é feito o clareamento dental interno?

As atuais técnicas de clareamento dental interno empregam como agente oxidativo o peróxido de hidrogênio a 35% que é aplicado internamente no dente. É um método efetivo, e geralmente apresenta resultados rápidos e satisfatórios. A técnica poderá ser realizada de várias maneiras, podendo durar uma, duas ou até três sessões, dependendo da dificuldade encontrada para chegar à cor desejada. Os resultados podem também variar de acordo com as características individuais de cada paciente.

E se eu não fizer o clareamento dental interno?

Não há riscos a saúde com a falta de tratamento e escurecimento dos dentes. No entanto, há pessoas mais sensíveis ao comprometimento estético, que podem apresentar problemas de socialização e de auto-estima.

PERGUNTAS PÓS CLAREAMENTO

O que deve ser evitado após o clareamento dental interno?

No processo de clareamento, os dentes ficam um pouco mais permeáveis e é importante evitar algumas substâncias até dez dias após o fim do tratamento, como vinho tinto, cigarro, café e chá preto. Essas substâncias podem escurecer os dentes e, se forem consumidas logo após o tratamento, comprometem o resultado.

Entre em contato conosco